sexta-feira, 25 de setembro de 2009

25 de Setembro - Dia do Rádio e da Radiodifusão

No dia 25 de setembro, data do nascimento de Roquete Pinto o "Pai do Rádio Brasileiro", comemora-se o Dia do Rádio. Em 1923, Roquete fundou a primeira emissora do país, a Rádio Sociedade do Rio de Janeiro. Era uma fase experimental do veículo, sem grandes avanços tecnológicos.
A primeira transmissão radiofônica em terras brasileiras, no entanto, já havia ocorrido no ano anterior, mais precisamente em 7 de setembro de 1922, na comemoração do centenário da independência brasileira. Na ocasião, uma estação de rádio foi instalada no Corcovado, no Rio de Janeiro, para a veiculação de músicas e do discurso do então presidente Epitácio Pessoa.
Em São Paulo/SP a primeira Emissora foi a EDUCADORA PAULISTA, fundada em 1924 e em Belo Horizonte a primeira rádio foi a RÁDIO MINEIRA fundada em 30 de maio de 1936. Hoje, lamentavelmente fora do ar. Mas, a primeira transmissão do Rádio foi no dia 07 de setembro de 1922, durante a exposição comemorativa do centenário da independência.
O ponto em comum entre os radialistas é o carisma. Dentro de cada radialista existe um inexplicável sentimento de dedicação e o interesse pelo que faz. Só o idealismo não é o suficiente, existe a necessidade do talento. Com milhares radialistas espalhados pelo Brasil, o rádio é hoje rico.
Oferecendo boas opções para aquele que merece todo o nosso respeito. O ouvinte. O Radialista é um sonhador, um apaixonado que faz parte do cotidiano das pessoas.

Baladas Deste Final De Semana


Show Angra No Plaza Hall

Divulgação

Um dos mais expressivos representantes do heavy melódico, o Angra é a atração de hoje à noite em Sorocaba. A banda toca no Plaza Hall, com produção local da Tigre e Tribo do Rock.
A agitação começa já a partir das 22h, com a abertura dos grupos Fire Diamond, Hammathaz e Machinage. Perto de entrar no estúdio para gravar o novo álbum, o Angra repassa clássicos da carreira que começou em 1991. O CD, ainda sem título definido, deve ser lançado em 2010.


Foi na década de 90 que o conjunto começou a trilhar a estrada do sucesso. Tomaram parte da empreitada André Matos, vocalista com passagem pelo Viper, Rafael Bittencourt, Luís Mariutti, Kiko Loureiro e Marco Antunes.
O primeiro trabalho consistiu na demo Reaching Horizons, mas a estreia em disco viria com Angels Cry, de 1993. A chamada revolução do gênero ocorreria com Holy Land, de 1996, que tem como tema central o Brasil na época de seu descobrimento.


Depois do lançamento de Freworks, em 1998, a banda passou por mudança em sua formação. Três dos integrantes saíram, ao que consta, de forma não tão pacífica assim. O episódio parece ter renovado o fôlego dos músicos que voltam à cena em 2001, com Rebirth, o mais bem sucedido projeto, com vendagem que superou a marca de um milhão de cópias em todo o mundo.


Na sequência lançam Temple of Shadows, de 2004, para muitos o mais progressivo dos trabalhos do grupo. O disco conta a história de um cavalo medieval da época das Cruzadas. Passado o período mais agudo, o Angra, conforme sua assessoria, protagoniza, agora, um retorno explosivo.
Não ficam de fora do repertório da apresentação de logo mais, portanto, sucessos de sempre Extreme Dream, Spell, Carry On, Angels Cry, Queen of The Night, Paradise, Deep Blue, Running Alone e Evil Warning, para listar poucos exemplos.



Show com a banda Angra


Hoje, a partir das 22h, no Plaza Hall
A abertura fica por conta das bandas Fire Diamond, Hammathaz e Machinage
Os ingressos custam R$ 45 (antecipado); na hora, saem por R$ 60 (pista) e R$ 80 (camarote)
A casa fica na rua Cabreúva, 530; no Jardim Iguatemi
Outras informações pelos telefones (15) 3014-9597/3011-3323

Agenda

Semana da Primavera dos Museus

Termina hoje a Semana da Primavera dos Museus, organizada, na cidade, pelo Museu de Arte Contemporânea de Sorocaba (Macs). Rita De Cássia Demarqui fala sobre Museus e a diversidade Cultural a partir das 19h30 no Espaço São Bento (ao lado do Mosteiro). A participação do público é gratuita. Informações pelo telefone (15) 3234-3781.

Homenagem a Rita Lee

A cantora Crikka Amorim faz hoje uma homenagem a Rita Lee, relembrando os sucessos dos 40 anos de carreira da roqueira. A apresentação ocorre no Teatro do Sesi de Itapetininga (avenida Padre Antonio Brunetti, 1360) a partir das 20h. A entrada é franca e os convites podem ser retirados com uma hora de antecedência. Mais informações: (15) 3271-7144.

Espetáculo na Semana Nacional de Trânsito

Companhias de teatro e dança da cidade, em parceria com a Urbes, prepararam o espetáculo Capitão Farolete: uma aventura no trânsito para ser apresentado durante a programação da Semana Nacional de Trânsito. Música, dança e teatro se misturam na apresentação que ocorre hoje, amanhã e domingo (com sessões às 15h e às 19h) no Teatro Municipal. O espetáculo é voltado para o público infanto-juvenil. Os grupos envolvidos com a produção do musical são Cia. de Dança Patricia Toledo, Nativos Terra Rasgada e Studio Fitness Francine Momesso. Os ingressos são gratuitos e podem ser retirados na Urbes ou na bilheteria do teatro.

Show Bola 7

O samba do Bola Sete é o destaque de hoje no Depois Bar e Arte (rua Cônego Januário Barbosa, 123). No repertório, Pixinguinha, Cartola, Nelson Cavaquinho, Jackson do Pandeiro, João Bosco, Chico Buarque, Edu Lobo, Guinga, João Nogueira, Djavan e Paulinho da Viola. A apresentação começa a partir das 22h. A entrada custa R$ 8.

Unidades Habitacionais Em Sorocaba

A definição de um protocolo de intenções para a construção de 2.500 casas em Sorocaba, feita na semana passada entre o prefeito Vitor Lippi e o secretário de Estado de Habitação, Lair Krahenbühs, não deixa de ser uma excelente notícia para a cidade. Junto com os projetos que já estão em desenvolvimento, a construção dessas moradias vão contribuir e muito para a redução do déficit habitacional em Sorocaba, que durante muitos anos, principalmente na administração municipal passada, praticamente não recebeu nenhum grande projeto neste setor.
Pelo que se tem conhecimento, os investimentos do governo estadual em programas habitacionais vão permitir que, até o final deste ano, cerca de 30 mil unidades sejam entregues em todas as regiões do Estado, a exemplo do que deverá ocorrer também em Sorocaba e municípios vizinhos. Na verdade, a nossa região apresenta um déficit muito grande de moradias, conforme as últimas estimativas divulgadas por movimentos regionais voltados ao setor. E, sem dúvida, a construção de novas moradias vai ajudar a resolver uma série de problemas que hoje incomodam os municípios.
Pelo menos no que diz respeito à questão habitacional, as iniciativas do governador José Serra nessa área merecem ser reconhecidas, principalmente porque estão sendo bem-sucedidas. Afinal, nunca houve tantos projetos e canteiros de obras em todo o Estado nos últimos tempos. Há, evidentemente, um clima de campanha eleitoral que possa justificar tantos investimentos. Muitas das casas em construção vão ser entregues no ano que vem, quando Serra deverá ser candidato à presidência da República. Ocorre, porém, que independente de ambições e pretensões políticas, é preciso ressaltar que a casa própria é o grande sonho de milhões de brasileiros que, muitas vezes, no final do mês, são obrigados a canalizar boa parte do salário para o aluguel do imóvel em que moram, gastando um dinheiro que não traz retorno a ninguém, a não ser para os donos de imóveis que vivem da locação.
Naturalmente, há muitas coisas que o governo estadual precisa fazer, mas, na área de habitação, não há o que questionar, já que realmente as promessas estão saindo do papel e tomando a forma de prédios capazes de dar um pouco de conforto, tranqüilidade e melhores condições de vida, mais dignas, a milhares de famílias. E é isso que conta, esperando-se que, para o ano que vem, milhares de outras casas também possam ser definidas para Sorocaba e região.

A Economia e o Final De Ano

Com o esgotamento da crise financeira internacional, pelo menos no que diz respeito ao Brasil, a boa notícia desta semana é que, daqui para frente, com a aproximação do final do ano, a economia do País deverá entrar num ciclo virtuoso por conta do abono aos aposentados, da restituição do imposto de renda, do pagamento do PIS, da primeira parte do 13º salário em novembro, da contratação de mais trabalhadores e da liberação de um crédito maior, bem superior ao mesmo período do ano passado, anunciado nesta semana pelo governo federal.
O que fica faltando apenas é o governo rever uma série de situações que há muito incomodam os setores produtivos e todos aqueles que precisam de uma oportunidade no mercado de trabalho. Falta a redução dos tributos em geral e dos encargos sociais. Falta o poder público reduzir seus gastos extravagantes. Falta mais racionalidade na gestão do dinheiro pago pelos contribuintes. Falta reduzir a corrupção. Se isso for feito, o potencial brasileiro cuida do resto, como sempre acontece. Desde que os governantes não atrapalhem tanto, o empresariado e os trabalhadores - os grandes construtores da Nação sabem muito bem como caminhar com as próprias pernas.
A situação é tão favorável que, de acordo com o noticiário, desde já as empresas se preparam para produzir mais, enquanto o comércio varejista já começa a reforçar os estoques e a pensar na ampliação dos prazos de pagamento para os consumidores. Algumas lojas de carros usados da cidade, por exemplo, já anunciam financiamento com prazo de até 72 meses para esvaziar os estoques. Levando-se em conta que o brasileiro é um consumidor por excelência e muito sensível aos apelos publicitários, tudo leva a crer que em outubro muitos lojistas já estarão anunciando o primeiro pagamento só para o mês de janeiro do ano que vem.
O que se recomenda, no entanto, é que todos tenham os pés no chão para não entrar em dívidas supérfluas e desnecessárias, principalmente aqueles que ainda não conseguiram saldar os compromissos assumidos ao longo de 2009. Gastar à vontade faz parte da cultura do brasileiro, mas na hora de pagar as contas é que os problemas aparecem de maneira amarga. Para quem não quiser se arrepender depois, os impulsos consumistas devem ser controlados tanto quanto possível. Que ninguém se iluda: pagar dívidas hoje em dia não está nada fácil.
Basta lembrar como a inadimplência cresceu ao longo do primeiro semestre deste ano, quando a vulnerabilidade do orçamento familiar acabou sendo perversa para muita gente. Daí a importância de não se empolgar tanto na hora de ir às compras.

terça-feira, 22 de setembro de 2009

Agenda

Semana da Primavera dos Museus

O Museu de Arte Contemporânea de Sorocaba (Macs) promove, até sexta-feira, palestras dentro da programação da Semana da Primavera dos Museus. O evento, que ocorre no Espaço São Bento sempre às 19h30, tem como tema Museus e Direitos Humanos. A convidada de hoje em Sorocaba é a diretora do Museu de Imagem e Som de São Paulo, a doutora Daniella Bousso, que fala sobre a Arte e Tecnologia. Amanhã, Edu Oliva e Luccia Lima tratam sobre Museus, nossos olhares, novos horizontes. Na quinta, a professora e doutora em Arte e Educação Janina Sanches fala sobre A Mitohermenêutica do feminino e a Arte Contemporânea. E encerrando a semana, na sexta-feira, Rita De Cássia Demarqui trata sobre Museus e a diversidade Cultural. A participação do público é gratuita, basta efetivar a inscrição junto ao Macs, para receber um certificado. Mais informações: (15) 3234-3781 ou macs@macs.org.br.

Lançamento CD Marisa Lobo

Pura Poesia é o título do álbum que a cantora Marisa Lobo lança hoje, às 21h, no Botequim do Bozó. No show, ela interpreta faixas do CD, o primeiro da carreira, que resgatam clássicos da MPB.

Pura Poesia vai de Nelson Cavaquinho (A Flor e o Espinho), passa por Tom Jobim (Falando de Amor) e Chico Buarque (Beatriz), a Lupiscínio Rodrigues (Esses Moços). A casa fica na rua Abraão Mahuad, 57, ao lado do Gpaci. Informações pelo telefone (15) 3211-9052.

Prêmio de Artes Plásticas

Já estão abertas as inscrições para os sorocabanos interessados em participar do Prêmio Prof. Flávio Gagliardi de Artes Plásticas, promovido pela Secretaria da Cultura. As inscrições devem ser feitas no Palacete Scarpa, das 9h às 16h, até o dia 30 de setembro. A participação no concurso é extensiva aos artistas radicados na cidade há, no mínimo, dois anos e cada um poderá inscrever três obras. Os trabalhos serão submetidos a um processo de seleção, a cargo de uma comissão designada pela Secretaria da Cultura. A premiação acontecerá no dia 20 de outubro, às 20h, no Salão de Exposições do Palacete Scarpa, quando também será aberta a mostra dos trabalhos escolhidos. Haverá premiação aos melhores classificados, como medalha, diploma e dinheiro (500 ufir, que equivalem a cerca de R$ 450). Será premiado, também, o artista que mais se destacou nos 12 meses anteriores ao Prêmio, na categoria de novos talentos, a critério da comissão julgadora. O regulamento e a ficha de inscrição estão disponibilizados no site oficial da Prefeitura (www.sorocaba.sp.gov.br). O Palacete Scarpa fica na rua Souza Pereira, 448, no Centro. Informações pelo telefone (15) 3211-2911.

Festival Internacional de Cinema de Itu

As inscrições para o Cinema Mundo - III Festival Internacional de Cinema de Itu já estão abertas. O evento ocorre de 26 a 29 de novembro, quando serão exibidos 24 filmes em várias mostras. As inscrições podem ser feitas pelo site www.cinemamundo.com. Este ano, competem filmes brasileiros e franceses em qualquer formato de exibição. A programação contará com palestras com diversos cineastas. Os filmes estarão distribuídos nas mostras Infantil, Panorama Nacional, Panorama Internacional - ano da França no Brasil e a competitiva franco-brasileira de curtas-metragens. Por meio de parcerias, o Cinema Mundo oferecerá a Itu um panorama do cinema francês, desde os clássicos até o contemporâneo, com retrospectivas, conceitos e filmes populares. De acordo com Renata Saraceni, organizadora do Cinema Mundo, o projeto consiste também no estabelecimento de parcerias que proporcionarão eventos de gastronomia e outras manifestações artísticas como música, dança e contação de história, entre outras, todas ligadas à França.

Show do AC/DC no Morumbi

A produtora Time for Fun confirmou oficialmente a realização do megashow Black Ice World Tour, do AC/DC, no Estádio do Morumbi, dia 27 de novembro. O site oficial do AC/DC retirou a data brasileira de sua agenda, pois as vendas de ingressos ainda não foram abertas. Os ingressos começam a ser vendidos a partir de 01º de outubro. Mais informações sobre preços e horários serão divulgadas em 24 de setembro e poderão ser obtidas também no site www.showacdc.com.br.

Prefeitura Promove Feira de Profissões

A "I Feira de Profissões" de Sorocaba, promovida pela Prefeitura, por meio das secretarias da Educação (Sedu) e da Juventude (Sejuv), vai ocorrer nos dias 1º e 2 de outubro, no Parque dos Espanhóis. O evento é direcionado especialmente aos estudantes do Ensino Médio com o objetivo de ajudá-los a escolher suas futuras carreiras.

A feira receberá escolas e faculdades, além de reunir profissionais de diversas áreas que estarão no local para conversar com os estudantes e tirar dúvidas sobre orientação vocacional e escolha profissional.

Durante a programação, haverá oficinas diversas como de reciclagem, mangá, silk screen, DJ, cinema e fotografia com câmera “pinhole”. Também haverá shows, além de palestras que abragem diversas áreas profissionais, workshops de entidades que trabalham com jovens e a presença de uma “rádio jovem”, que funcionará durante todo a Feira.

Uma das grandes atrações será o primeiro astronauta brasileiro, o bauruense Marcos Pontes, que fará uma palestra no primeiro dia. Pontes falará sobre sua vida, desde a infância até a realização de seu sonho: ser astronauta. Focará na persistência, a autoconfiança, a determinação, o potencial pessoal, a criatividade, a estabilidade emocional e a organização pessoal, entre outros aspectos, que destaca ser importante para a futura vida profissional dos jovens. A palestra do astronauta será ministrada em um espaço com 240 lugares, com projeção de imagem e áudio para a parte externa.

A feira ficará aberta ao público das 8 às 22 horas. A entrada é gratuita. O Parque dos Espanhóis localiza-se na Rua Campos Salles, bairro Pinheiro, no Além-Ponte.

Desfazer Das Compras O Consumidor Pode

Nestes tempos em que nem todos os consumidores ficam satisfeitos com os contratos que fazem para a compra de produtos ou serviços, arrependendo-se no dia seguinte por este ou aquele motivo, o que muitos não sabem é que o cidadão, sem qualquer justificativa, pode desistir de sua intenção. De acordo com o Código de Defesa do Consumidor, trata-se de uma decisão que cabe exclusivamente ao consumidor. Quem, por exemplo, já não viveu a experiência de receber uma ligação telefônica de alguém prometendo verdadeiras maravilhas para a venda deste ou daquele produto ou de algum serviço que pretende prestar? A mesma coisa acontece com propagandas através dos meios de comunicação que anunciam produtos das mais diversas formas e utilidades, mas nem tão úteis ou mesmo necessários, bastando apenas um telefonema para comprá-los. Nestes casos, a lei faculta a quem compra o direito de se arrepender.

Naturalmente, para exercer esse direito, o consumidor deve cumprir dois requisitos específicos da lei: um deles refere-se ao local da contratação, ou seja, que ela tenha ocorrido fora das dependências da loja ou empresa, em casa ou pelo telefone; o outro diz respeito ao tempo da operação, ou seja, o prazo não pode exceder a sete dias.

Não há como negar que a legislação que disciplina esse tipo de atividade se justifica plenamente. Nos tempos que vivemos, com a crescente necessidade de as empresas venderem cada vez mais, as técnicas empregadas para atrair e seduzir os consumidores extrapolam as expectativas. E o que se vê é a força do marketing seduzindo a todos, principalmente as pessoas mais simples, ingênuas e menos esclarecidas. De repente, numa fração de segundos, elas se sentem atraídas por algum objeto de desejo e assinam um contrato sem pensar nas conseqüências. Nesses casos, desde que estejam dentro das exigências do Código de Defesa do Consumidor, elas têm o direito de se arrepender. E o período que a lei concede para o cidadão refletir sobre a negociação é de sete dias, desde que o contrato tenha sido assinado fora do estabelecimento. É só nesses casos que ele tem o direito de desistir da compra. Mesmo que tenha feito algum pagamento adiantado, a lei diz que ele deve ser ressarcido de imediato se resolver desistir do negócio. E qualquer cláusula que prevê a perda dos valores pagos acaba não tendo efeito legal.

É dessa forma que o consumidor pode desistir de qualquer compra ou serviço que tenha contratado. O que se recomenda, no entanto, para evitar desgastes e transtornos, é que o consumidor, antes de fechar algum negócio, pense muito antes de fazê-lo, já que isso evitará uma série de problemas para as partes envolvidas na negociação.

segunda-feira, 21 de setembro de 2009

Parabéns 21 de Setembro

Parabéns á você que é radialista.

21 de Setembro.
Hoje é o Dia do Radialista. Nesta oportunidade, quero parabenizar os meus colegas de profissão. Não é fácil ser radialista. Nunca foi. Mas é extremamente gratificante. São poucos, são raros os radialistas que ficaram ricos. Dizem que Ely Correia da Rádio Capital de São Paulo é o radialista mais bem pago do Brasil. Ele ganha ao em torno de 100 mil reais por mês. Mas é o Ely Correia, o cara que detém a maior audiência do rádio na maior e mais rica cidade da américa latina.
Radialista apanha, sofre, passa mal, mas não larga o rádio por nada. Isso é um dom. É uma missão. É um vício. A gente já nasce radialista. Fazer rádio é uma arte. Somos artistas. É claro que existem casos de pessoas que entraram no rádio para aparecer, prá alimentar o ego, prá arranjar uma namorada(o), prá ficar famoso, ser reconhecido nas ruas, prá ser político.
Mas, a maioria faz rádio porque gosta mesmo. É feliz assim. Outros companheiros, enveredaram noutra atividade profissional. Muitos são advogados, empresários, políticos, funcionários públicos, assessores de imprensa, porque não dá prá viver só com o salário de radialista.
São exemplos de radialistas que exercem outras atividades profissionais, mas não abandonam o rádio de jeito nenhum. Mas também existem muitos radialistas que sobrevivem só da profissão, fazendo programas de rádio, gravando comerciais, apresentando eventos.
Porém, alguns radialistas abandonaram a profissão ao perceberem que não dava prá ganhar a vida nessa atividade. O salário é baixo, o ganho real não dá sequer prá pagar as contas. Há casos de colegas que passaram a ganhar mais e ter bons salários indo para a TV. São profissionais oriundos do rádio, salvo engano, sem curso superior em jornalismo, que ganham bons salários, por atuarem na TV. A TV dá mais retorno financeiro que o rádio. Todos são valorosos, são talentosos, são guerreiros e merecem o nosso abraço.
PARABENS a todos os nossos colegas de Sorocaba e Região.
Parabéns!

quinta-feira, 17 de setembro de 2009

Baladas Para Este Final De Semana


Bom Divertimento.

"Uniso - Universidade De Sorocaba" Lança 34 Novos Cursos De Graduação No Aniversário De 15 Anos

A Universidade de Sorocaba (Uniso) apresentou 34 novos cursos de graduação que serão oferecidos a partir de 2010. O anúncio foi feito durante cerimônia que marcou o início das comemorações pelos seus 15 anos de fundação. As carreiras, somadas às 39 já disponíveis, contribuirão para aumentar em 40% o número de alunos atendidos atualmente pela instituição, cerca de 7,5 mil estudantes e estão reforçadas especialmente na área de Engenharia. Para montar a estrutura necessária para este crescimento, a universidade contará com um investimento de R$ 8 milhões, nos próximos 4 anos, conseguidos a partir de financiamentos junto ao Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). Desde sua fundação, a Uniso já formou 40 mil alunos.

A decisão de quais carreiras passariam a compôr o currículo acadêmico da Uniso foi tomada, segundo a reitoria, com base em pesquisas de mercado e nas solicitações feitas pelos próprios estudantes. Estamos atentos ao desenvolvimento da cidade, principalmente com a chegada da Toyota, além da Política Nacional de Crescimento. Precisamos garantir ao País uma independência tecnológica, comentou Fernando de Sá Del Fiol, Pró-Reitor de Extensão e Assuntos Comunitários, que destacou que o investimento no que parece ser um novo perfil da universidade, na verdade, chega para eliminar o mito de que a Uniso é especializada em formar professores e profissionais da área de Humanas. A universidade atua em todas as áreas do saber. Esse é um ranço histórico que ficou por conta da Faculdade de Filosofia, falou, referindo-se ao processo de formação da instituição de ensino.

O pró-reitor afirmou que a estrutura física disponível hoje, na Cidade Universitária, será suficiente para comportar o crescimento e os recursos serão aplicados, basicamente, na montagem de laboratórios. Vamos priorizar a realização dos cursos nos períodos matutino e vespertino e, nestes casos, o aluno terá incentivos, como mensalidades mais baratas, completou Fernando Del Fiol. A contratação de novos professores também será necessária porém, segundo o pró-reitor, não deve acontecer de imediato. Hoje temos 300 docentes e para as ciências básicas não será preciso. No decorrer dos novos cursos devemos contratar cerca de 200 docentes, finalizou.

Novidades

No total, a Uniso oferecerá, a partir de 2010, cinco novos cursos de Engenharia - Civil, da Computação, de Controle e Automação, Elétrica e Química além de outros ligados à área de Exatas e Tecnologia, como Análise e Desenvolvimento de Sistemas, Banco de Dados, Gestão da Tecnologia da Informação, Processos Gerenciais, Segurança da Informação, Sistemas para Internet e Redes de Computadores. Compõem ainda a lista de carreiras que serão oferecidas a partir do vestibular deste final de ano as graduações em :

Alimentos, Arquitetura e Urbanismo, Artes Visuais, Ciências Biológicas, Ciências Biológicas com ênfase em Biotecnologia, Dança, Educação Física, Enfermagem, Estética e Cosmética, Eventos, Fisioterapia, Fotografia, Gestão Comercial, Gestão em Segurança Pública, Gestão do Turismo, Gestão Hospitalar, Música, Negócios Imobiliários, Produção Multimídia, Relações Internacionais, Secretariado Executivo e Segurança no Trabalho.

Algumas se enquadram nos chamados cursos tecnológicos, com duração de 2 a 3 anos. A meta da Uniso é chegar a 80 cursos e para isso está prevista a criação, já em 2011, de mais seis novas carreiras, sendo quatro delas na área de mecatrônica industrial robotizada, além dos cursos de Agronomia e Psicologia.

Nova Integrante Da Academia Sorocabana De Letras "Ângela Barros"

A sorocabana Ângela Barros, atriz e diretora teatral radicada em São Paulo, é a mais nova Sócia Correspondente da Academia Sorocabana de Letras.

Ângela iniciou sua carreira teatral em Sorocaba integrando, ao lado do ator, dramaturgo e poeta Carlos Roberto Mantovani, a montagem de Celso Ribeiro para a peça “Entre Quatro Paredes”, de Jean Paul Sartre.

Em 1974, fixou-se na capital, onde desenvolveu fecundas experiências em projetos pioneiros, como a dos educadores de rua. Posteriormente, ingressou no Centro de Pesquisa Teatral, coordenado pelo diretor teatral Antunes Filho e, depois, na Escola de Arte Dramática, da USP.

Atuou nas montagens “Abajur Lilás”, “A Cela” e "Luzes da Boemia”, sob direção, respectivamente, de Sérgio Ferrara, Jean-Jacques Mutin e William Pereira. E Dirigiu os espetáculos "Apenas um Saxofone" e "Eles Preferem as Loiras". Fez assistência de direção nas peças "Colombo", "Romeu e Julieta", "Harmonia Em Negro" (dirigidas por Del Rangel); "Marcelo, Marmelo, Martelo" (direção Zé Carlos de Andrade); "Nossa Vida em Família" e "A Casa de Bernarda Alba", dirigidas por William Pereira e "Vereda da Salvação". Mais recentemente, participou das montagens de “Álbum de Família” e “O Amor do Sim” e assistência de direção cênica nas óperas montadas no Teatro Municipal de São Paulo.

Integrante da companhia “Os Satyros”, recebeu, em 2006, a indicação ao 18º Prêmio Shell de Teatro – uma das mais importantes premiações brasileiras na área de artes cênicas na categoria Melhor Atriz pela sua atuação na peça "A Vida na Praça Roosevelt", de Dea Loher, uma das mais conceituadas dramaturgas contemporâneas da Alemanha, em montagem dirigida por Rodolfo García Vázquez. A peça narra a vida de personagens que percorrem diariamente as calçadas da Praça Roosevelt, espelho do submundo paulistano.

Jornalista Produz Livro Em Forma De Reportagem Sobre"Pessoas Que Fazem A Economia De Comunhão"

Uma grande reportagem que narra a história de pessoas em necessidade, empresários e estudiosos que enfrentam fraternalmente o problema da pobreza, num projeto orgânico que envolve cerca de 7 mil famílias, aproximadamente 750 empresas e já resultou em mais de 280 monografias, dissertações de mestrado e teses de doutorado. Trata-se do livro "Pessoas que fazem a Economia de Comunhão", do jornalista fluminense Marcello Riella Benites, que integrou inclusive o corpo redatorial do Jornal Diario de Sorocaba na década de 90, deixando em Sorocaba belos relacionamentos construídos à luz de uma cultura ética e de fraternidade.

A Economia de Comunhão (EdC), como o próprio livro define, "é uma proposta de fraternidade e comunhão vivida no setor econômico que procura superar o clássico conflito entre capital e trabalho". As empresas envolvidas não são filantrópicas. Elas atuam normalmente no mercado, produzindo lucros que são destinados em parte aos pobres. Criada em 1991, no Brasil, a partir do carisma de Chiara Lubich, fundadora do Movimento dos Focolares, que então visitava o País e se impressionara com os terríveis contrastes econômicos aqui existentes, a EdC demonstrou ser uma alternativa real às injustiças do capitalismo e já está presente nos cinco continentes.

"A idéia do livro surgiu num Congresso da EdC há alguns anos, justamente após ouvirmos tantos depoimentos daqueles que acreditaram no Projeto e se comprometeram com ele", afirma o editor Klaus Brüschke, da Editora Cidade Nova. O livro traz histórias como a da empresária paulista Ercília Teixeira Fiorelli que, durante um engarrafamento em frente a uma favela, vendo crianças na lama, tomou a decisão de dedicar-se inteiramente a uma das empresas pioneiras da EdC. E o diferencial da Economia de Comunhão aparece ainda mais nitidamente na experiência da enfermeira Maria José Faustino Silva, de Maceió. Após enfrentar a extrema pobreza e começar a participar da EdC, ela afirmou: "Alguns dão sua contribuição em dinheiro e eu contribuo com as minhas necessidades". Sempre numa relação de fraterna reciprocidade, aplicando os recursos recebidos para suas demandas básicas e para estudar, Maria José se formou e conseguiu emprego.

"Responsabilidade, fraternidade e igualdade entre quem dá e quem recebe recursos materiais, dignidade de todos. Esses são alguns dos principais diferenciais da EdC", ensina Marcello Benites, explicando que seu livro foi escrito com base em mais de 50 entrevistas com pessoas de 26 cidades das cinco regiões brasileiras.(Jornal Diário De Sorocaba)

A multiplicação dos Furtos

As contravenções penais de pequenas proporções podem até ser inexpressivas, mas também não deixam de assustar a população. Pode-se dizer que são como os pecados que, cometidos, não perdem em nada a sua qualificação, mas acabam se constituindo em condenável agressão à dignidade de quem os comete. Hoje em dia, os pequenos furtos, por exemplo, não são mais cometidos em lugares específicos, mas por toda a cidade. São tantas as ocorrências policiais que nem sempre a imprensa tem espaço suficiente para divulgá-las. Se todas as vítimas de pequenos furtos resolvessem registrar boletins de ocorrência, com certeza chegaríamos a números surpreendentes. Como isso não acontece, nem sempre os dados estatísticos são fiéis à realidade do que ocorre em Sorocaba.

O fato é que eles vão se sucedendo com incrível freqüência, praticados tanto em residências como em estabelecimentos comerciais, nos quais as subtrações incidem apenas sobre guloseimas, refrigerantes, leite, pilhas, chocolate, sabonetes, pequenas peças de roupas e outros objetos. E não se pode deixar de contestar e condenar a sua ocorrência. Nem as lojas e empresas aceitam que os desvios de conduta aconteçam livremente, tanto assim que são obrigadas a contratar seguranças para tentar contê-los. Inclusive, também não são poucos os funcionários que costumam subtrair objetos dos locais onde trabalham. E as autoridades policiais, como temos visto, também não deixam de reagir contra essas ocorrências, procurando sempre combater os furtos que vão se multiplicando. O problema é que eles são muitos e nem sempre é possível identificar os seus autores, daí ser importante a colaboração das vítimas e de toda a população para o esclarecimento dos casos.

Tudo isso nos leva a observar como o caráter das pessoas vai se deteriorando. Parece que ao nosso redor sempre há alguém disposto a furtar alguma coisa. Alguns por necessidade, outros por vício. Parece que a responsabilidade vai se distanciando cada vez mais das pessoas. Infelizmente, a honestidade já não é tão levada a sério como antigamente.

Diante de tal situação, é inegável que a somatória das pequenas e grandes ocorrências amedronta cada vez mais a sociedade, que se fecha em casa ou anda assustada pelas ruas. E é isso que deve ser feito para se enfrentar tudo aquilo de pior que vem acontecendo. Não se pode deixar a responsabilidade de combater esse mal exclusivamente por conta dos organismos policiais, já que eles não podem estar ao mesmo tempo em todos os lugares. Cada um precisa fazer a sua parte para não se transformar na próxima vítima.

Por que Mais Vereadores???

Aprovada em primeiro turno na Câmara Federal, a proposta que aumenta em quase oito mil o número de vereadores no Brasil ainda vai dar muito o que falar. Embora a PEC (Proposta de Emenda Constitucional) ainda tenha de ser aprovada em segundo turno e esteja mobilizando milhares de suplentes de vereadores que querem a todo custo "trabalhar" por suas comunidades, o fato é que, segundo tudo indica, ao contrário do que gostariam, eles não poderão assumir na presente legislatura. Conforme já declarou o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Gilmar Mendes, mesmo que seja aprovada de forma definitiva pelos congressistas, a PEC não poderá ter efeito imediato, devendo a sua aplicação ser feita só a partir da próxima legislatura, em 2013.

Se realmente for assim, essa não deixa de ser uma boa notícia para o cidadão comum , aquele que compra um carro e paga dois, compra um refrigerante e paga três, compra um pãozinho e paga 1,5, para bancar com a diferença, a massa de mais de 60 mil eleitos e 500 mil ocupantes de cargos de confiança que, em sua maioria, não merecem a confiança de ninguém. A sensação de impotência da população com o desperdício, a má gestão e a esperteza em cima dos recursos públicos, que saem do bolso de cada cidadão, é tão forte que deixa todo mundo anestesiado e sem ânimo para se mobilizar contra tudo e contra todos.

Por isso mesmo é de suma importância uma ampla e irrestrita reforma política no Brasil e não simples remendos como tem ocorrido até agora. Sem essa reforma, que possa reduzir o número de deputados federais e estaduais, senadores e vereadores, a classe política tende a ser cada vez pior, pelo desinteresse das pessoas íntegras de participar de um sistema extremamente viciado e perverso para os brasileiros. Ninguém ignora que, com raríssimas exceções, o que os políticos mais fazem é legislar em causa própria.

A troco do que por exemplo, uma cidade do porte de Sorocaba precisa ter mais de vinte vereadores? Se a legislação permite isso, o melhor de tudo seria acabar com ela de imediato. Criar mais vagas nos legislativos municipais não deixa de ser uma brincadeira de muito mau gosto e caríssima demais para os contribuintes. Antes de mais nada, o que falta é os governantes e políticos em geral não esvaziarem tanto os cofres públicos com gastos que não beneficiam ninguém.

O que resta, neste momento, é torcer para que a afirmação do presidente do STF seja consistente, isto para que o número de vereadores pelo menos não seja aumentado de imediato.

sexta-feira, 11 de setembro de 2009

Agenda

Concurso literário em Itu

A Academia Ituana de Letras lançou o concurso literário Itu, pelos ituanos. A iniciativa faz parte das comemorações dos 400 anos de fundação da cidade, que serão completados em 2 de fevereiro de 2010. O concurso literário é aberto a todas as pessoas que se sintam ligados afetivamente à cidade, que poderão elaborar texto em prosa e/ou verso sobre o tema. Serão selecionados os 100 melhores trabalhos apresentados para a composição de um livro específico e comemorativo, que será editado em 2010. Cada pessoa interessada poderá participar com até dois trabalhos, sendo que o concurso recebe inscrições até 14 de novembro de 2009. As colaborações deverão ser entregues até o dia 14 de novembro ou enviadas pelo correio para o seguinte endereço: Editora Ottoni Rua Garcia Moreno, 55 Centro CEP 13.300-095 Itu/SP, A/C do Concurso Itu, pelos ituanos. Os textos deverão ter no mínimo uma e no máximo três laudas. Mais informações pelo email comunicacao.itu@uol.com.br.

Oficina de canto cancelada

A oficina de canto Ópera e Câmera, que aconteceria neste sábado e domingo em Sorocaba, com Eduardo Janho-Abumrad e João Moreira Reis, foi cancelada. A MDA Internacional, que promoveria o evento, fez o comunicado ontem e informou que não haverá nova data para a atividade. Mais Informações: (15) 3211-1360.

Uniso ofecere cursos gratuitos à comunidade

Para comemorar os 15 anos de funcionamento, a Uniso abre inscrições gratuitas para diversos cursos de extensão com duração de um dia. Serão abordados temas relacionados às áreas dos Programas de Pós-Graduação da Uniso, em Ciências Farmacêuticas, em Comunicação e Cultura e em Educação. Cada curso tem 35 vagas, que serão preenchidas conforme a ordem de inscrição, que deverá ser feita no endereço www.uniso.br/hs/15_anos. As atividades serão ministradas no campus Seminário (avenida Dr. Eugênio Salerno, 100, centro). Mais informações: (15) 2101-7072.

Filmes brasileiros candidatos a uma vaga no Oscar

O Ministério da Cultura divulgou lista dos longas-metragens brasileiros que vão concorrer a uma indicação na categoria de filme estrangeiro no Oscar, em 2010. No dia 18, uma comissão anunciará o vencedor. Estão na disputa Besouro, de João Daniel Tikhomiroff, Budapeste, de Walter Carvalho, O Contador de Histórias, de Luiz Villaça, Feliz Natal, de Selton Mello, A Festa da Menina Morta, de Matheus Nachtergaele, Jean Charles, de Henrique Goldman, Síndrome de Pinnochio - Refluxo, de Thiago Moyses, O Menino da Porteira, de Jeremias Moreira, Se Nada Mais Der Certo, de José Eduardo Belmonte, e Salve Geral, de Sérgio Rezende.

Vila Universitária Music Festival



Neste sábado (12/09), a cidade de Sorocaba, interior de São Paulo, recebe o Vila Universitária Music Festival, que traz artistas como Capital Inicial, Pitty, NxZero, Marcelo D2 e Planta e Raiz.

Patrocinada pela marca de preservativos Blowtex, a festa conta ainda com atrações como bungee jump, tirolesa, parede de escalada e pistas de skate. Os ingressos variam entre R$ 10 e R$ 50. Na porta de entrada, a organização coleta alimentos não perecíveis destinados ao Projeto Rede em Ação. Para saber mais:http://www.vilafestival.com.br

video

Cenas Inéditas do 11 De Setembro


O Museu e Memorial Nacional 11 de Setembro lançou ontem um site no qual reuniu sua coleção de vídeos e imagens registrados por cidadãos que testemunharam o ataque terrorista de 11 de setembro, que completa oito anos hoje.


Entre o acervo do museu, estão imagens de uma câmera no Brooklin que exibe, através de uma cerca de arame, a fumaça preta que saía de uma das Torres Gêmeas do World Trade Center, em Nova York, quando um avião atravessa o outro edifício. O ataque deixa o ar repleto de pedaços de papéis, alguns dos quais caem nas mãos do cinegrafista.

Na noite do dia 11, outra câmera mostra bombeiros caminhando através de poeira que cobria as ruas dos arredores, carregando seus capacetes ou um par de sapatos. A fachada destruída do antes imponente World Trade Center está diante deles.

O museu lança ainda um apelo às pessoas que tenham novas imagens e gravações do acontecimento reproduzido em todo o mundo como o pior ataque terrorista da história dos Estados Unidos.

A TRAGÉDIA - Na manhã de 11 de setembro, um terrorista sequestrou um voo doméstico nos EUA e, às 8h46 (horário local), lançou a aeronave contra uma das Torres Gêmeas. O ataque deixou todos perplexos e muitos acreditaram na hora que era um acidente aéreo. Os jornais começaram a exibir imagens ao vivo do local.

Um segundo avião, também vindo de Boston, atingiu a segunda torre 15 minutos depois e confirmou a série de ataques coordenados que deixou quase 3 mil mortos no país - 2.750 morreram em NY, 184 em um ataque ao Pentágono e 40 na Pensilvânia.


Reforma Política

A qualquer momento, no Congresso Nacional, deverá ser votada a nova proposta de reforma política arquitetada no Palácio do Planalto. Ao certo, ninguém sabe exatamente quando isso ocorrerá, considerando-se que a desorganização existente na instituição não permite prever coisa alguma. Como sempre, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva pretende usar, embora disfarçadamente ou nem tanto assim, toda sua influência para que a reforma seja aprovada. Para não repetir outras experiências fracassadas sobre essa questão, a estratégia agora foi a de reduzir o alcance das mudanças, restringindo os temas.

Naturalmente, neste momento, pouca coisa pode se falar a respeito, mas o que se percebe é que nada de melhor vai acontecer. O que é que se pode esperar de políticos que, via de regra, só pensam em seus interesses imediatos? Alguém pode acreditar que este ou aquele político vai mudar alguma coisa que não seja benéfico para si nas próximas eleições? Só os mais ingênuos e aqueles que não se interessam com o que ocorre na política é que podem acreditar nisso. O polêmico financiamento público de campanha, por exemplo, vai ficar fora das discussões, devendo continuar tudo na mesma. Sustentada pelo governo, os parlamentares da situação deverão concentrar suas forças na votação de dois pontos: fidelidade partidária, cujas regras ninguém sabe quais são já que serão aperfeiçoadas depois, caso venha a ser aprovada, e a chamada cláusula de barreira, mecanismo que impede a criação de novos pequenos partidos.

O que se pretende, de fato, em sua maioria, é proteger os interesses daqueles que detêm mandatos no parlamento nacional. Quem não tem mandato e não ocupa nenhum cargo público vai continuar se dando mal. No fundo, da maneira como as coisas estão sendo engrenadas, os próprios detentores de cargos eletivos é que serão beneficiados.

Enfim, parlamentares interesseiros fazendo uma reforma política é o mesmo que colocar raposas para tomar conta do galinheiro. Basta lembrar que, no Senado da República, onde existem 81 senadores, eles deram um jeito de colocar como funcionários quase 10 mil apaniguados para servi-los. E tudo é criado legalmente pelos próprios legisladores em seu benefício, mesmo que seja através de atos secretos. Não é à toa que o Poder Legislativo está cada vez mais distante da população. Torna-se urgente, portanto, uma mudança radical na postura dos políticos que elaboram as leis. E as mudanças só vão acontecer se os brasileiros não deixarem tudo por isso mesmo, botando a boca no trombone com muita disposição. Quando tudo fica por conta exclusiva dos políticos, está armado o barraco que só prejudica a sociedade brasileira.

quarta-feira, 2 de setembro de 2009

Banco Do Povo De Sorocaba Volta à Ativa

Depois de ficar pouco mais de quatro meses desativado porque os dois funcionários que trabalhavam como agentes de crédito pediram para sair, segundo a Prefeitura o Banco do Povo de Sorocaba reabriu as portas ontem e já está atendendo solicitações de crédito de empreendedores e microempresários interessados em incrementar seus negócios.

A reativação das atividades de acordo com a Prefeitura, foi possível após o treinamento em São Paulo de outros dois agentes de crédito que estão agora preparados para orientar os solicitantes de financiamento. Contando com o coordenador da unidade, serão três funcionários à disposição da população no atendimento às demandas de microcrédito.

O Banco do Povo de Sorocaba volta a funcionar no mesmo endereço onde operava há quatro meses, o Pólo de Desenvolvimento e Inovação (Podi), localizado na rua Saliba Mota, 260, no Jardim Pelegrino (ao lado da Saf). Embora o Podi esteja vinculado à Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, o Banco do Povo, por sua vez, agora está subordinado à Secretaria Municipal das Relações do Trabalho, isto também em nível estadual. E, o secretário Luis Alberto Firmino informa que a meta da sua secretaria é atender o quanto antes a demanda reprimida de 250 contratos que estão à espera de encaminhamento na unidade local do Banco do Povo.

R$ 3 milhões

Em Sorocaba, o Banco do Povo possui um valor disponível para empréstimos na ordem de R$ 3 milhões, divulga o secretário. Esse recurso é destinado a empreendedores, formais ou informais, cooperativas ou formas associativas de produção ou trabalho.

No primeiro semestre deste ano, o Banco do Povo de Sorocaba cedeu R$ 73.290,75 em financiamentos, por meio de 19 operações de crédito. No mesmo período do ano passado, foram formalizadas 26 operações de crédito que resultaram na liberação de R$ 95.958,80, segundo informações da Secretaria Estadual das Relações do Trabalho.

Agenda

Prorrogadas inscrições para "Expo-Literária"

Os escritores sorocabanos que desejam participar da 3ª Expo-Literária de Sorocaba têm até amanhã para fazer a inscrição no Palacete Scarpa, das 9h às 16h30, ou na Biblioteca Municipal Jorge Guilherme Senger, das 8h às 17h. O evento é uma promoção da Prefeitura de Sorocaba, por meio das secretarias da Cultura (Secult) e Educação (Sedu), e acontecerá de 21 a 24 de outubro. Podem participar da Expo-Literária pessoas de qualquer idade que queiram divulgar suas obras.

Na ficha de inscrição, os escritores devem indicar se vão participar do evento com uma apresentação literária (palestra, performance, bate-papo) e/ou apenas para a exposição de livro para a divulgação e comercialização. Cada autor poderá levar até três exemplares de quantos títulos desejarem e, assim, poderá divulgar todo o seu trabalho.

O Palacete Scarpa fica na Rua Souza Pereira, 448, no Centro, e a Biblioteca está localizada na Rua Ministro Coqueijo Costa, 180, no Alto da Boa Vista. Informações pelo telefone (15) 3228-1955, com Margareth ou Tânia.

Festival de Música Gospel

O 3º Festival de Música Gospel de Sorocaba recebe inscrições até o dia 2 de novembro. O evento, promovido pela Secretaria da Cultura (Secult), será realizado nos dias 27 e 28 de novembro, às 20h, na Usina Cultural Ettore Marangoni e no dia 30, às 20h, no Teatro Municipal Teotônio Vilela.

As inscrições podem ser feitas no Palacete Scarpa ou também pelo correio. Nesse caso, os interessados devem acessar o Portal da Prefeitura www.sorocaba.sp.gov.br, imprimir a ficha de inscrição e enviar via Sedex à Secretaria da Cultura. Cada compositor poderá concorrer com até duas músicas, mesmo em parceria. Dentre as inscritas, uma comissão de jurados selecionará, até o dia 3 de novembro, 24 composições para as semifinais. Das 12 músicas escolhidas para a final, que ocorrerá no dia 30 de novembro, os vencedores receberão os seguintes prêmios: 1º lugar: R$ 2 mil; 2º, R$ 1.700; 3º R$ 1.300. Os melhores das categorias Arranjo, Intérprete e Aclamação Popular receberão R$ 500 cada. Além da premiação em dinheiro, os primeiros colocados também serão contemplados com troféus.

O Palacete Scarpa fica na rua Souza Pereira, 448, no Centro. Informações pelos telefones (15) 3211-2902 e (15) 3211-2911.

Show do Blue Man terá homenagem a Roberto Carlos

Eles continuam carecas, mudos e azuis, mas estão mais barulhentos e mais malucos. É o que garante Matt Goldman, um dos idealizadores do grupo performático Blue Man Group, que se apresenta em São Paulo a partir desta noite, no Credicard Hall. Em sua segunda turnê mundial, o trio promete surpreender quem já o viu em sua primeira passagem pelo País, em 2007, e embasbacar quem não o conhece.

No repertório, o agrado aos brasileiros virá em uma homenagem aos 50 anos de Roberto Carlos, com uma versão de "Detalhes". Além disso, o hino da Copa do Mundo de 1970, "Pra Frente Brasil" também será lembrado na mistura de batuques em canos de PVC, antenas de fibra de vidro, cítaras, pianos desmontados e outros instrumentos pouco convencionais criados pelo grupo.

“Somos muito fãs da cultura brasileira, então, encontramos um jeito original e único de demonstrar isso no palco. Muitos ritmos latino-americanos nos serviram de inspiração”, contou Goldman. No palco, o trio azul é acompanhado por cantores e uma banda, que fazem versões de clássicos do rock. O espetáculo tem grandes proporções, com muitas luzes, imagens projetadas em telões e até marshmallows arremessados e pegos com a boca. “Nós, americanos, somos viciados em açúcar. Espero que os brasileiros também”, brinca Goldman.

O grupo formado no fim dos anos 80 conta atualmente com 60 membros, que se revezam nos trios que percorrem o planeta. Até agora, mais de 2 milhões de espectadores já assistiram às suas performances. “Quando a plateia nos vê pela primeira vez, há um estranhamento. Aqueles caras azuis, carecas, que não falam nada... Mas, com o passar do tempo, o público entra na brincadeira e se diverte muito”, diz Goldman.” As informações são do Jornal da Tarde.

Blue Man Group. Credicard Hall: Av. das Nações Unidas, 17.955. Tel. (011) 2846-6010. De hoje ao dia 6. R$ 60 a R$ 260. Terça a quinta, 21h30; sexta, 22h; sábado, 17h e 22h; domingo, 16h e 20h. 14 anos.(Agência Estado)

Exposição " Estação Primavera"

A chegada da primavera neste mês é tema da exposição que vai movimentar a Biblioteca Municipal “Jorge Guilherme Senger” a partir de hoje. A mostra “Estação Primavera”, feita pela Secretaria da Cultura (Secult), prossegue até o dia 23. A entrada é gratuita.

A exposição reúne cerca de 30 obras dos artistas plásticos sorocabanos Adriane Cristine Doretto, Eduardo Lages, Elange Aparecida Engel de Carvalho, Helena Beatriz Junqueira Ferraz A. Mortean, Inês Marangon, Maria Cecília Bismara, Maria Cristina Soeiro, Maria Lígia Soares Fontana de Oliveira e Regina Lúcia Ribeiro Pinto.

“Estação Primavera” está aberta para visitação do público de segunda a sexta-feira, das 8 às 17 horas, e no sábado e domingo, das 13 às 17 horas. A Biblioteca Municipal fica na Rua Ministro Coqueijo Costa, 180, ao lado da Prefeitura de Sorocaba, no Alto da Boa Vista.

Educação No Trânsito

Já começou a programação da Prefeitura de Sorocaba, por meio da Urbes – Trânsito e Transportes, sobre a importância da boa educação no trânsito. “Harmonia em nossas vidas” é o tema escolhido neste ano para ser amplamente discutido ao longo deste mês, em especial, durante a Semana Nacional do Trânsito, marcada entre os dias 18 e 25 de setembro.

As ações ocorreram no andar térreo do Paço Municipal, com a minicidade de trânsito para a diversão e aprendizado da criançada. O minicidade fica no local até quinta-feira (3). Além disso, houve uma exposição itinerante de fotos e desenhos artísticos, que foi visitada por servidores e munícipes que circularam pela Prefeitura.

Também fazem parte do cronograma especial performances teatrais, seminários de educação no trânsito, ação educativa com alunos da rede municipal, caminhada e passeio ciclístico, dentro do “Dia sem carro”, e um musical. Outras informações podem ser obtidas pelo telefone 3331-5000.

A minicidade de trânsito segue para o hipermercado Extra, em Santa Rosália, no dia 5 e ficará até o dia 7. No Sorocaba Shopping, de 10 a 13 de setembro, e no Carrefour do Parque Campolim, de 14 a 16 de setembro.

Nos dias 23 e 24, haverá a performance teatral nos terminais Santo Antônio e São Paulo, com participação do Núcleo de Artes Cênicas do Sesi/Sorocaba. Também está havendo uma exposição itinerante de fotos e desenhos artísticos, até o dia 21 de setembro nos seguintes locais: Paço Municipal, Sorocaba Shopping, Carrefour (Campolim), Extra (Santa Rosália), Câmara Municipal, Teatro Municipal, Facens, escolas municipais, estaduais e particulares. A exposição tem participação dos jornais DIÁRIO DE SOROCABA e Bom Dia, Grupo Imagem, Secretaria da Comunicação (Secom) e Escola Pró-Arte.

Entre os dias 22 e 24, haverá Seminário de Educação no Trânsito, no Auditório da Facens, das 19 às 22 horas. Os temas são Desafios da Educação no Trânsito; Álcool e direção, alternativas para salvar vidas e 12 anos de Código de Trânsito, além de apresentação dos vencedores dos jogos eletrônicos sobre o tema trânsito.

O dia 22 será marcado com o “Dia sem carro”, que terá caminhada na avenida Itavuvu, às 8 horas; Pedala Noturno, com saída do Campolim, às 19 horas, e “Carona Solidária”, das 7 às 9 horas. O Transitando nas Escolas, ação educativa com alunos das 4ª séries de escolas municipais, ocorrerá de 21 a 25 de setembro, das 9 às 16 horas. Finalmente, o musical “Capitão Farolete – uma aventura no trânsito” será apresentado no Teatro Municipal, de 25 a 27 de setembro. Na sexta-feira (25) às 10 e às 15 horas; no sábado (26) e domingo (27), às 15 e às 19 horas. Os ingressos gratuitos podem ser retirados no Teatro ou na Urbes.

O Senado Abatido

Considerado uma das mais importantes instituições políticas do País, o Senado da República não consegue se livrar da sina de permanecer abaixo do fundo do poço. Depois do caso Renan Calheiros, que no ano passado paralisou por um bom tempo o desenvolvimento das atividades parlamentares, agora a bola da vez segue firme nas mãos do senador José Sarney, presidente da Casa. Denunciado pela Receita Federal e pelo Ministério Público Federal de estar envolvido em esquemas políticos de toda ordem, ele vai resistindo a tudo com a ajuda do presidente Lula e provocando um alvoroço em Brasília, inclusive entre as lideranças petistas. Ainda nesta semana, indignado com tudo o que vem acontecendo no PT e no Senado, o senador Flávio Arns, do Paraná, abandonou o partido. A situação chegou a tal ponto que se tornou insustentável a permanência de Sarney na presidência do Senado. Mesmo que ele não tivesse nada a esconder e pudesse responder à altura as acusações que lhe são imputadas, o desgaste político que vem sofrendo já superou os limites da tolerância e está deixando a instituição que preside numa péssima situação perante a opinião pública.

Definitivamente, parece que os escândalos, eivados de corrupção, nepotismo e outras espertezas, passaram a ser a marca registrada das principais instituições políticas brasileiras.

Atualmente, os indícios de recuperação econômica e alguns números positivos na área social já não são suficientes para encobrir os desmandos que semanalmente transformam as páginas políticas em páginas policiais. Não tem precedência na história republicana o número de políticos envolvidos nos últimos anos em escândalos dos mais variados tipos. É lamentável assistir como vai sendo jogada no lixo a esperança de milhões de brasileiros, cansados de tanta safadeza.

Enganou-se redondamente quem acreditava que o arquivamento das denúncias contra Sarney no Conselho de Ética do Senado poderia fazer a ordem voltar ao parlamento. A desordem é que vai continuar por tempo indeterminado, conspirando contra os interesses da Nação. Tolerar a permanência de tal situação é enfraquecer as instituições democráticas, inverter as prioridades e atentar contra o futuro. Sem governantes e políticos dignos não há como existir a verdadeira democracia.

É preciso acabar com as incertezas que os brasileiros estão vivendo há muito tempo. Não basta apenas a indignação da população diante de tudo que vem acontecendo. É preciso um movimento nacional de grande intensidade para combater os desmandos que sacodem a Nação.

O que Importa É o Crescimento

Nos últimos dias, ao anunciar que o salário mínimo no Brasil deverá passar de R$ 465 para R$ 507 a partir de janeiro do ano que vem, o ministro Paulo Bernardo, do Planejamento, afirmou que a expansão da economia deverá ser retomada neste segundo semestre do ano, devendo inclusive, fechar o ano com um crescimento em torno 3,5%, o que de certo modo não deixa de ser um índice favorável, levando-se em conta as dificuldades enfrentadas ao longo do ano por causa dos impactos da crise financeira internacional. É claro que nem sempre pode se dar crédito a muitas declarações oficiais, já que na prática geralmente é o outro lado da moeda que aparece, como temos visto ao longo dos anos, mas, neste caso, o otimismo governamental tem sua razão de ser, considerando-se que o País vem se desviando de maneira satisfatória das turbulências econômicas, com exceção do problema do desemprego.

Em tais circunstâncias, o governo poderia se empenhar um pouco mais e garantir um reajuste melhor para o salário mínimo, inclusive para os benefícios que aposentados e pensionistas recebem, até porque, de acordo com as previsões, 2010 deverá sem um ano de grande potencial para o desenvolvimento do Brasil. Basta lembrar que, ainda na semana passada, a Diretoria Regional do Ciesp/Sorocaba realizou com sucesso a 1ª Rodada de Negócios com a participação de pequenas, médias e grandes empresas, quando muitas transações foram fechadas, numa demonstração de que o pior da crise econômica já passou.

O que se percebe, exatamente como indicam as pesquisas, é que os empresários já se mostram muito mais confiantes na economia e ninguém mais se preocupa com a crise, ao contrário do que aconteceu nos primeiros meses deste ano quando todo mundo procurou frear o desenvolvimento de suas atividades. Daqui para frente, com a aproximação do final do ano e a liberação da primeira parte do abono salarial para aposentados e pensionistas, as coisas deverão melhorar e muito. Como sempre, independente do governo, a economia brasileira vai se acertando em todos os seus segmentos produtivos, graças, principalmente, às iniciativas do empresariado brasileiro, que nunca deixa de buscar fórmulas para superar as dificuldades.

Dessa forma, a retomada do crescimento é apenas uma questão de tempo. Tudo indica que, quando a temporada natalina chegar, as atividades do comércio e da indústria vão estar mostrando tudo aquilo de que são capazes para movimentar a economia do País. E é isso que interessa, até para que a sociedade possa alimentar a esperança de que tudo será bem melhor ao longo de 2010.